Custom 7 cordas (Tango de Rua)

Fala, mulecada. Cá estamos de novo para mostrar mais uma custom 7 cordas que foi embora. Esta é a guitarra do Reymar, um bacana camarada que apareceu na Loud com a seguinte afirmação:
– Quero uma guitarra de de 7 cordas pra tocar Machine Head. A merda é que sou canhoto!
Então fomos nóis aqui para a prancheta mandar bala na melindrosa abaixo:
Custom 7 cordas
Reymar’s 7th death weapon – Especificações:
– Corpo em marupá
– Braço em maple
– Escala em mussutaíba
– Top em quilted maple
– Nut em chifre de bisão
Hardware Gotoh
Custom 7 cordas (Tango de Rua)
E tudo começa num naco de maple com um monte de idéias….
Custom 7 cordas (Tango de Rua)
Logo, tudo vai tomando forma….
Um médico que vai amputar sabe o quanto esse tipo de anotação não é idiota.
Custom 7 cordas (Tango de Rua)
Mais num é que quilted é mais bonito que flamed mermo….
Com peças juntas o quebra-cabeça começa a fazer sentido.
Buracos para inserções são necessários. Assim funciona a Natureza.
Uma bela lixada e horas pensando no acabamento.
Custom 7 cordas (Tango de Rua)
Ok, azul e preto. Fica malvado e bonito. Agora é mandar verniz e montar tudo.
Aqui um efeito Ana Maria Braga com tudo pronto: verniz, logotipo no lugar, tarraxas… Já é. Só montar.

Enfim, tcharammm… 7th death weapon ready to chop.
A Natureza é assimétrica.
Sol sobre seus chifres, capeta sob seus pés. Como dita a Natureza!… Ok, a gente para.
Custom 7 cordas (Tango de Rua)
Simplicidade é beleza. Nos headstocks também.
Agora, tarde bucólica no jardim. Depois, rifando em la bemol para aborrecer quem gosta de som finuco.
E é isso ae, pessoal. Quem quiser ouvir essa guita trampando é só dar um Google na banda do Reymar, a Tango de Rua. Um abraço e até a próxima…..
  • Essa eu não ví nada!
    Brutalidade desmedida ,
    Vcs precisam parar de construir armas , sério!